.

.

Páginas

terça-feira, 16 de junho de 2015

O Problema Dos Amores Idealizados.

Não é a toa que você está sozinha. Seu último relacionamento te deu algumas linhas de expressão, muitas noites sem dormir, muitas lágrimas no travesseiro, diante da terrível comprovação que aquele homem o qual você idealizou, nunca existiu.
Mas ele fez você acreditar que era o último, que era príncipe, que era especial. Ele dava toda a atenção necessária, era carinhoso, educado, nunca levantava a voz, as conversas eram sempre repletas de bom humor, ele adorava fazê-la sorrir.
Isto a encantou e o amor cresceu. Só que com o passar do tempo, ele se tornou grosseiro, irritado, mau humorado, gritava por qualquer coisa, sua aparência se modificava, as conversas se tornaram um caos,  mau humor imperava e ele ainda achava que estava fazendo um grande favor em lhe dá sua companhia desta forma.
Você idealizou e viu que se enganou.
Dia dos namorados ele nem lembrava da data, mas agendou o plantão. Quando você falou da data, ele falou que certamente não o chamariam por ser chefe, mas que avisaria. Só que você não foi avisada. Você encomendou um presente caro, com direito a entrega, achando que naquele dia fossem ter a companhia um do outro. No momento em que a moça ligou, dizendo que ia fazer a entrega, você já sabia que ele não ia estar ao seu lado e disse que não seria mais preciso. A decepção de não ter alguém para partilhar um momento de amor, é maior que o dinheiro gasto. E ele viu você remarcar todos os compromissos, porque a partir daquele momento tudo mudou dentro de você.
Você percebeu que para ser importante para alguém, tem que em primeiro lugar, ser importante para si mesma, e que fazer surpresas para outra pessoa que tanto faz você estar ali ou não, não tem importância alguma.



Foto espetáculo Babilônia,II Terso Paradiso de Ismael Ivo.

Qualquer identificação, será mera coincidência ou não...

A pessoa promete e nunca cumpre, mas quando é para fazer favores para os amigos, lá está ele, com a chave do carro na mão, sorriso de ponta a ponta, feliz da vida. Caso você cobre algo dele, com certeza ouvirá gritos e acusações, mas ele não fará isto diante de cobranças no trabalho, de humilhações, de gritos, afinal, ele queria ser chefe, ele pode segurar tudo, ele pode tudo.
Com facilidade você agora percebe o quanto foi errada em ter deixado alguém querer acabar com o seu brilho pessoal. Uma pessoa idealizada nunca chegará aos pés da real, mas quando se está apaixonada, acontece exatamente isto, você não percebe tais atrocidades.
A pessoa tem prazer em te ver mal , acha que você merece ser excluída e bloqueada, acha que você sempre merece ser castigada, afinal, você apenas quis a companhia dele, ou seja, nada material,  nada impossível, mas um verdadeiro sacrifício para quem não sente mais prazer na companhia do outro.
Ironias, maus tratos, descaso, são coisas fáceis de serem percebidas por você, mas não por aquele homem que seria o ideal e agora age como um quadrupede.
Pare de idealizar amores e viva a realidade. Homens tem defeitos, são chatos, mas tudo tudo seu peso certo, o ideal é você sentir-se bem na companhia de outra pessoa, a pessoa te fazer feliz, você ter cumplicidade e amizade.




Lilia Amorim
Conselheira Amorosa
Escritora
Palestrante

0 comentários:

Postar um comentário