.

.

Páginas

terça-feira, 26 de junho de 2012

Tempestade

A tempestade se aproxima
O céu negro,o vento forte
Na verdade,dentro de você,chove alguns dias.
Custo a acreditar em suas palavras
No que você foi capaz
Negou o seu sentimento
Quando eu menos esperei.
Custo a dormir achando que estou vivendo um pesadelo acordada
Você não precisava ser irreal a tal ponto
Mas alguns dias eu percebi sua personalidade fraca
E um erro pequeno ,me fez pensar,que um maior,estaria por vir.
A quem devo ouvir?
Em quem acreditar?
Olhares que nada dizem quando eu pensava dizer em silêncio:te amo.
A chuva começa ,e tudo se transforma
O tempo está te apagando da minha mente
O amor que antes transbordava,agora está em um barco a deriva
Não te quero mais
E a chuva vai passar dentro de mim
Mas nunca dentro de você.

Lilia Amorim


2 comentários:

Susana Gabriela disse...

Foi pra mim, total.
Obrigada

Homens:uma incógnita! disse...

Oi Susana,

Obrigada pelo comentário.Fico feliz que tenha gostado.Bjs.
Lilia Amorim

Postar um comentário